O MEC publicou nessa quarta-feira (17 de abril) a portaria que estabelece o regulamento do ENADE (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes) para o ano de 2019. O exame avalia o nível de aprendizado dos universitários em diferentes cursos.

A prova foi marcada para o dia 24 de novembro, a partir das 13h30, horário de Brasília. Foram confirmados 23 cursos de bacharelado e 6 graduações tecnológicas (tecnólogo).

Um edital incluindo cronograma, prazos, procedimentos técnicos e responsabilidades das Instituições de Educação Superior e dos estudantes ainda deverá ser divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

ENADE

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) avalia o rendimento dos concluintes dos cursos de graduação, em relação aos conteúdos programáticos, habilidades e competências adquiridas em sua formação. O exame é obrigatório e a situação de regularidade do estudante no Exame deve constar em seu histórico escolar. A primeira aplicação do Enade ocorreu em 2004 e a periodicidade máxima da avaliação é trienal para cada área do conhecimento.

O objetivo do Enade é avaliar o desempenho dos estudantes com relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos de graduação, o desenvolvimento de competências e habilidades necessárias ao aprofundamento da formação geral e profissional, e o nível de atualização dos estudantes com relação à realidade brasileira e mundial, integrando o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

Resultado de imagem para enade 2019

CONFIRA OS CURSOS AVALIADOS EM 2019

Qualquer dúvida ou sugestão, entre em contato com o iBRA!

Paulo Bonfá é escritor e Social Media do iBRA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *