O que é Pós Graduação Lato Sensu e Stricto Senso?


Saiba diferenciar os cursos Lato Sensu dos cursos Stricto Sensu na hora de escolher a sua Pós-Graduação.

Com certeza você já sonhava (ou está sonhando) com a sua Pós-Graduação antes mesmo de terminar a sua faculdade. E agora que terminou, não quer perder tempo! Não se preocupe, isso é muito comum, dadas as exigências do novo mercado mundial.

No entanto, ao pesquisar sobre Pós-Graduações você se depara com inúmeros termos, que nos enchem de dúvida. Uma dessas dúvidas (talvez das principais) é entender a diferença entre Pós Lato e Stricto Sensu, e os diferentes cursos presentes em cada uma delas.

Se você tem essa dúvida, o IBRA vai te ajudar nessa escolha, se liga!

Sobre Pós-Graduação

Pós-Graduação, obviamente, é uma nomenclatura geral para cursos cujo a modalidade de ensino se destina a quem concluiu uma graduação.

O objetivo da Pós é especializar o graduado em uma determinada área de atuação, tanto academicamente quanto profissionalmente.

No Brasil, cursos de pós-graduação podem ser ministrado tanto presencialmente como totalmente EAD (Educação a Distância), e podem ser subdivididos em Lato Sensu e Stricto Sensu, conforme já adiantado.

Lato Sensu

A expressão “Lato Sensu” vem do grego (Lato = amplo, Sensu = sentido), significando justamente “Sentido Amplo”.

Geralmente a Pós-Graduação Lato Sensu, como o próprio nome já diz, é mais abrangente em relação ao ensino, e é direcionado para o mercado de trabalho, na formação de especialistas em uma determinada área ou setor.

Normalmente, devido ao seu caráter profissional, são cursos de curta duração, já que o objetivo é a rápida inserção desse profissional no mercado de trabalho.

De acordo com o MEC:

” As pós-graduações lato sensu compreendem programas de especialização e incluem os cursos designados como MBA (Master Business Administration). Com duração mínima de 360 horas, ao final do curso o aluno obterá certificado e não diploma. Ademais são abertos a candidatos diplomados em cursos superiores e que atendam às exigências das instituições de ensino – Art. 44, III, Lei nº 9.394/1996. “

Ou seja, no Brasil entendem-se como cursos Lato Sensu: Especializações (comumente denominadas Pós-Graduação) e MBA’s.

Especializações

No Brasil, é muito comum que o termo “pós-graduação” seja adotado como sinônimo para cursos de especialização, embora ele abranja, também, mestrados, doutorados e MBAs. 

Em todo caso, as Especializações são programas de Pós cujo o foco está na parte técnica, viabilizando o aprofundamento de competências em determinada área.

São cursos ideais para recém-formados que procuram uma vaga no mercado cada vez mais competitivo. Também é uma ótima opção para profissionais consolidados que desejam mudar de área por qualquer que seja o motivo.

MBA’s

MBA é uma sigla em inglês para “Mestre em Administração de Negócios“. E aqui já eliminamos outra grande dúvida do Graduado Brasileiro: MBA, apesar do nome, não é um mestrado. Contudo, é uma formação bastante prestigiada pelo mercado, devido a sua natureza mercadológica com foco em performance.

É um curso extremamente voltado para a área de negócios, e é muito procurado por profissionais que ocupam cargos de liderança em empresas, como empresários, gerentes, executivos e gestores.

Stricto Sensu

A expressão “Stricto Sensu” vem do grego (Stricto = estrito, Sensu = sentido), significando justamente “Sentido Estrito”.

Assim como no caso dos cursos Lato Sensu, os cursos Stricto Sensu também se auto-explicam através do nome. São considerados cursos de aprofundação, cuja a finalidade é estudar e analisar um determinado assunto de forma mais particular.

Os cursos Stricto geralmente não indicados para aqueles que desejam seguir carreira na pesquisa acadêmica e científica. Devido a esse caráter, são cursos de longa duração e de maiores exigências no que diz respeito ao envolvimento (na maioria das vezes exigindo que o pesquisador fique apenas por conta de sua pesquisa, impedindo atuações profissionais).

Segundo o MEC:

As pós-graduações stricto sensu compreendem programas de mestrado e doutorado abertos a candidatos diplomados em cursos superiores de graduação e que atendam às exigências das instituições de ensino e ao edital de seleção dos alunos (Art. 44, III, Lei nº 9.394/1996). Ao final do curso o aluno obterá diploma.

Nesse caso, são considerados cursos Stricto Sensu: Mestrados e Doutorados.

Mestrados

O mestrado é uma formação acadêmica, na modalidade Pós-Graduação Stricto Sensu, cujo o objetivo é a formação de pesquisadores e professores universitários, sendo sua ênfase totalmente científica e acadêmica. É um curso que visa ampliar o conhecimento sobre um tema de interesse acadêmico e estimular a reflexão teórica

Nesse sentido, se você sonha em ser um pesquisador, como a galera de The Big Bang Theory, essa modalidade é ideal para você! Contudo, nada impede que você atue no mercado de trabalho. Existem, inclusive, a modalidade de Mestrado Profissional, cujo o foco é na pesquisa de soluções profissionais.

Doutorados

O Doutorado é um curso que oferece um aprofundamento teórico muito mais denso que o mestrado, com enfoque em novas teorias e soluções. Mais uma vez, é um curso que objetiva pesquisadores acadêmicos e científicos.

O que muitos não sabem, é que, de acordo com o MEC, é possível cursar o doutorado logo após a graduação, sem precisar passar pelo mestrado, ficando a cargo da instituição avaliar se a proposta de pesquisa do candidato é relevante a esse ponto. No entanto, é mais comum que o aluno vá para o Doutorado após cursar o Mestrado.

Então é isso, avalie a carreira que você quer seguir, e conte com o IBRA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *